Feriado, amigos, casamento

segunda-feira, setembro 07, 2009 Unknown 10 Comments


Passei o feriadão numa casa de praia, fui na sexta e voltei na segunda.


Minha mãe tem uma turma de amigos da época do colégio que sempre se encontram, inclusive foi em um desses encontros que conheci Fernando, esse feriadão foi com essa turma.


A filha de uma das componetes da turma engravidou, casou-se apenas no civil e a turma decidiu se organizar para realizar o casamento religioso, foi lindo, na beira da praia, a noiva estava com um vestido branco, longo, tomara-que-caia e com um arranjo de flores no cabelo, o cabelo estava solto, ela estava linda! O noivo estava com uma calça folgada branca e uma camisa também branca e aberta, tudo bem ao natural, com o som do mar e o vento batendo, tudo lindo... todos os convidados bem a vontade, muito floral, todos descalços com os pés na areia...


Bateu aquela invejinha básica, como sabem não sou casada... e se fosse me casar, escolheria um casamento nesse estilo, várias e várias vezes me pegava sonhando com esse tipo de casamento...


Rolou também uma revoltazinha básica pelo fato de quando decidi morar com Fernando, mesmo sendo de conhecimento de todos da turma, ninguém se mobilizou pra ajudar no nosso casamento, certo que eu não estava grávida, mas isso não justifica...


No início pensei em não ir e não colaborar com nada (admito), ai parei pra pensar na merda que seria fazer isso e mudei de idéia na hora, fui uma das "cabeça" na organização, avisando a todos do grupo, recolhendo dinheiro, passando email's, enfim.


Não curti tanto o feriado por conta do sentimento de inveja e revolta que ainda estava em mim (coisa feia), por isso bati pouquíssimas fotos (coisa raríssima), já estavam falando em organizar chá de baby, coisa que também não foi feita pra mim na época... provavelmente também irão pedir minha ajuda pra esse evento... e fazer o que né? Precisando... "estamos ai..."


Algumas fotos do feriadão...

Nandinho curtiu bastante...

A lua estava linda, refletindo no mar (foto com meu primo, que considero mais como irmão, Gustavo)
Miguel(amigo)

Tiara(amiga)

10 comentários:

  1. Curtiu muuuuito ,hein!Dá pra perceber!


    Bjs e ótima semana pra você!

    ResponderExcluir
  2. Amiga deu um desabafo básico ,adorei a sinceridade,as vezes pensamos coisas assim e não temos coragem de falar.Foi um feriado bem agitado !
    bj

    ResponderExcluir
  3. Carlinha minha linda demais,é NORMAL esses sentimentos nessas situações aparecerem.Você domina eles muito bem,estão ai mas não te condicionam,e prova disso eh que vc vai lah ajuda,participa e se diverte...

    ResponderExcluir
  4. Tá tão lindas nas fotos Carlinha....
    Ah as vezes me dá este sentimnto de revolta tb sabe,pq quando eu casei foi um sufoco brabo,fiz tudo sozinha e com pouca grana,nem minha madrinha se dignou a me ajudar....Agora é o casamento dela e todo mundo espera q eu faça tudo! Ah que saco....Dia desses quando ela me encheu com isso acabei sendo grossa e falie q ela tinha sido a madrinha mais desleixada do universo....Pq além de não organizar nada,nem sequer me ajudou em coisa alguma....E agora tá querendo atenção...Ok,foi grosso,mas ela precisava ouvir isso,afinal somos amigas de infância e tem coisas q não dá pra ficar guardando....Libera sua raiva e se não quiser ajudar,isso não é ruim...Só não guarde muita mágoa das pessoas,q não faz bem,de resto faça o que achar certo! Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ai amiga que lindooooooo! Meu sonho sempre foi casar na praia!!! Só que como morava longe do mar ficou inviavel, deve ter sido lindo, lindo mesmo!
    Ah vc nao é casada? Eu nao sabia!! Tomara que um dia vc possa realizar esse sonho pq é bom demaais ser noiva!! E qto a inveja e revolta... sei la viu, acho q isso é uma coisa q vc e seu marido devem resolver, complicado viu...
    beijoos...

    ResponderExcluir
  6. que bom que o sentimento se transformou....que sentimos sentimos mesmo, nao adianta negar, mas o mais importante é nao alimentar esse sentimento para que ele cresça e vire um monstro dentro de vc e te traga amargura no teu coração...
    fico feliz que foi, aproveitou e ainda trouxe fotinhos para vermos...rssss
    boa semana
    bjim

    ResponderExcluir
  7. Carla, tu és muito engraçada, menina... Rolou essa invejinha básica, isso é perfeitamente normal... Mas veja, quando decidiu se juntar vc expressou o desejo de casar ??? Eu quando resolvi juntar os panos de bunda meu pai me chamou e falou assim: Tenho essa quantia aqui... VC quer ficar pra vc ou quer se casar na igreja, festa e tudo o mais ??
    Eu respondio: - quero casar...
    Pronto, fizeram a festa, a grana que eu ia ganhar foi gasta em todos os fricotes e fantasias da minha mãe e todo mundo ficou feliz. Tive a chance de escolher, meu pai ia me dar uma grana lega, eu ia ficar bem folgada, mas eu quis casar. Quis ir na igreja e consagrar mue casamento á Deus. Tem certeza que vc não falou pra todo mundo que queria casar ?? Veja se lembra, aí me diga, tá ?? Se vc tiver dito que desejava o casamento, aí sim, se sinta abandonada, senão: - Relax, be coool...... Kakakakakakaka.... Vc ainda peca por tanta sinceridade, viu ?? Vc é sincera, incrível vc... Se cuida... Beijocas

    ResponderExcluir
  8. Geo amore mio

    Expressei sim o desejo de me casar e deixei claro que gostaria mesmo que fosse algo simples, bem simples mesmo, mas nem assim ninguém se prontificou sabe...

    Na época que me juntei com Fernando, ganhávamos um salário minimo cada um e fomos morar de aluguel, maior sufoco.

    Mas estamos ai, crescendo aos poucos, não me arrependo de nada que fiz e se podesse voltar no tempo não mudaria nadinha!!!

    ResponderExcluir
  9. Ah Carlinha, fica assim naum, eu sei bem como é isso, passei situação parecida... as pessoas são assim mesmo, as vezes tão amigas e as vezes tão incensiveis. A gente se desgasta com isso, e outra ainda ta em tempo, chama esse povo agora pro dia 12 de outubro e faça o teu... aproveite a "boa" vontade dos amigos.Bjos e uma semana linda pra vc.

    Ah, ia te perguntar teu Fernandinho é terrível? pq o meu filho chama Fernando e é demais, parece q tem um bichinho no bumbum, não para quieto um segundo, rsrsrsr

    ResponderExcluir
  10. Carlinha você é um ser humano tão nobre que poucos teriam a coragem de admitir esse sentimento.
    Sim!nós nascemos com todos eles!e,com o passar do tempo moldamos eles mas a primeira prerrogativa pra isso e ser sincera e admitir que sim!você os tem...
    Esta no caminho certo!
    Mas se é tão importante pra você se casar porque não começa a pensar,desejar isso?guarda um pouquinho de grana numa poupança fantasma e um belo dia estaremos todas nós light no seu lindo casamento a beira mar e com um up!!!!!!!!Fernandinho de porta aliança!!!!!!pára tudo!milhões de vezes mais lindo que o da sua amiga né?
    beijão linda!

    ResponderExcluir