Assunto delicado

terça-feira, agosto 17, 2010 Unknown 30 Comments

Hoje vou falar sobre um assunto meio chato...

Drogas... e como ela pode acabar com a vida de muitas pessoas!

Tenho um tio (irmão da minha mãe) que desde que me lembro ele é envolvido com drogas, sempre deu trabalho à família, nunca trabalhou e com o passar do tempo, só tem piorado.

A última que ele aprontou o fez passar quase um ano internado no hospital em coma induzido, numa das loucuras dele por dinheiro para sustentar o vício, agrediu meu avô, umas pessoas que estavam na rua foram socorrer meu avô e bateram muito nele, ele quebrou costelas, perfurou pulmão, passou muito tempo entre a vida e a morte hospitalizado, vou admitir uma coisa horrível aqui para vocês, várias vezes desejei a morte dele durante esta internação.

Durante todo esse período que ele passou internado, eu não fui visitá-lo nenhuma vez, quando ele voltou a se comunicar por sinais, pediu pra que eu fosse vê-lo, mas não consegui, não sou hipócrita, se eu não tinha conseguido perdoá-lo, eu não tinha motivos para vê-lo.

Ele sempre diz a todos que a única pessoa que ama na vida dele sou eu, que tem um carinho por mim enorme e blá, blá, blá, durante muito tempo acreditei nisso, mas hoje essas palavras simplesmente não tem mais nenhum significado pra mim.

Quando me separei do Fernando, passei um tempo morando com meus avós, na casa que ele também mora, foi um época difícil pra mim, não conseguia dormir, lembro bem quando ele tentou se aproveitar dessa minha fraqueza me oferendo drogas, dizendo ele que eu me sentiria aliviada, então é assim que ele me ama tanto? Tentando me afundar com ele?

Logo que ele saiu do hospital voltou a prontar, nem tinha se recuperado direito, foi quando minha mãe conseguiu interná-lo nessa clínica para dependentes químicos, lá é um sítio enorme, lindo, com piscina, academia, lago, com comida e roupa lavada.

Depois de muitos pedidos da minha mãe para visitá-lo, resolvi dar uma passadinha por lá, sinceramente, não senti muita firmeza na recuperação dele, estava pedindo cigarro ao Fernando, achando que ele ainda fumava, falou que estava louco para sair dali, por não aguentar mais a rotina.

Todo bronzeado pois havia passado a manhã toda na piscina, ê vida boa! Sei não viu!

Sei que sempre falo em otimismo, que devemos ter fé nas pessoas, mas infelizmente nesse caso, meu coração não me deixa acreditar.


Eu sou assim, dificilmente tenho raiva as pessoas, pra eu conseguir ter raiva de alguém, esse alguém tem que fazer algo de muito, mas muito grave mesmo, pois eu sou muito boba, aceito muita coisa de muita gente, sempre fazendo vista grossa e tentando ver o lado bom de todos.

Mas porém, quando me chateio com uma pessoa, sou difícil de perdoar, talvez se tivesse me feito um mal direto, eu perdoaria rapidamente, mas quando prejudica quem eu amo, nesse caso que ele agrediu minha vó e tentou matar eu avô... eu nõ consigo ver a "luz" no fim do túnel.



**************************************

Ontem não postei por que passei o dia em casa morgada, com diarréia e ânsia de vômito, como não consegui me alimentar direito fiquei fraquinha, fraquinha, dormi praticamente o dia todo.

Hoje amanheci um pouco melhor, ainda estou desarranjada, não dormi direito a noite, Nandinho está muito gripado, passou a noite tossindo e também está com diarréia, tadinho.

Espero melhorar logo!



30 comentários:

  1. OI QUERIDA
    EU TINHA FEITO UM POST HOJE QU EFALAVA SOBRE SE DECEPCIONAR COM AS PESSOAS QUE AMAMOS
    MAS TEMOS QU PERDOAR TODS MERECEM UMA CHANCE
    EU PASSEI O MESMO PROBLEMA COM MEU IRMÃO
    MAS ELE ACHAVA QUE NÃO PRECISAVA DE INTERNAÇÃO QUE ESTAVA NO CONTROLE, SABE?
    ACABOU MORRENDO LIMPANDO BOTECO EM TROCA DE PINGA ,A MESMA QUE O MATOU .
    E ATE HOJE SOFRO MUITO QUANDO ME LEMBRO
    FICO PENSANDO QUE SE EU TIVESSE ESPOXTO A ELE TODO MEU SENTIMENTO
    ATÉ O DE RAIVA PELA SITUAÇÃO QUE ELE VIVIA
    SE ISSO TERIA FEITO ALGUMA DIFERENÇA , SE EU TIVESSE DADO UMA SURRA NELE
    OU SE APENAS TIVESSE DEMNTRADO TODO AMOR QUE EU SENTI POR ELE
    SERÁ QUE TERIA FEITO A DIFERENÇA?
    NÃO CONSIG CONTER AS LAGRIMAS POR ISSO FICO POR AQUI E PEÇO QUE VC PENSE NOQUE ESCREVI
    PERDOE
    VAI SE SENTIR MELHOR
    BJS

    ResponderExcluir
  2. poxa carlinha... eh um assunto super delicado neh!? eu tb tenho um parente (distante) q está jurado de morte por causa de traficante... e ele hj em dia, tem retardo mental por causa das drogas... é bem triste msm! =(


    espero q esteja melhor hj!! Se cuida pra ficar boa logo!!
    beijosss

    ResponderExcluir
  3. Caelinha, melhoras pra vc e pro seu filho, realmente o vício é algo terrível e muito difícil de se livrar.
    Beijo, tudo de bom pra vc.

    ResponderExcluir
  4. É...é delicado mesmo. Eu sinceramente não sei se conseguiria perdoar tb. Principalmente pq ele te ofereceu tb, e eu jamais ia querer essa pessoa perto dos meus filhos, mesmo se fosse meu irmão. Se ofereceu prá mim, pode oferecer a um filho adolescente tb.

    Sei lá...é assunto familiar e eu não vou falar nada além disso, ok?

    Um beijo gatona!

    ResponderExcluir
  5. A melhor coisa do mundo é a PAZ no coração. Quem nunca teve um momento de inquietação ou de angústia não sabe o que a ausência de paz nos traz. Se vc se sentee m paz consigo mesma, tudo bem, mas se dói quando vc pensa nele, não digo de pena, mas por reviver tudo na sua mente é porque tem algo errado e nesse caso acho que conversar muito e muito valeria a pena e se no final vc achasse que dava pra perdoar, melhor ainda. O perdão não é fácil, mas traz um grande alívio ao coração. Talvez vc faça um bem maior a vc do que a ele. Quanto a sua saúde desejo melhoras, ainda é a tal da lactose?! É osso, né?! Mas se cuide pra ficar logo boa e poder cuidar do seu filhote tbm. Saúde pra todos e bj!

    ResponderExcluir
  6. OLHA, É DIFÍCIL PERDOAR MESMO, ATÉ POR SABER Q A PESSOA ENTROU NESSA com as próprias pernas, por fraqueza. na minha família tem um caso desse, onde só o na tem dado jeito, além de muitos puxões de orelha e boas doses de auto estima. qto a acreditar, não é vc que tem q se esforçar, é a pessoa q tem q reconquistar...
    melhoras e bjus

    ResponderExcluir
  7. É realmente um assunto delicado, acho que a maioria das pessoas tem algum parente nessa situação.. enfim, melhoras pra te.
    Adorei o look do post anterior.
    Bjão e melhoras

    ResponderExcluir
  8. preconceito!!!!
    droga é um vicio....
    para sair é não só a pessoa "viciada"se assumir como tal,como tambem é preciso as pessoas que o rodeiam acreditarem nele para que ele proprio acredite,concerteza que quando lhe ofereceu drogasou agrediu o familiar não estava "sóbrio"um viciado nunca está.....
    entendo seus medos mas imagine o medo dele!!!!!

    ResponderExcluir
  9. Flor vivi na pele esse transtorno, só q eu era a pessoa q fazia mal a mim e as pessoas! Depois de 2 internações, 2 anos lutando contra o vício, eu finalmente me levantei do chão.Hoje quase 3 anos limpa sou orgulho da minha familia, meu marido casou-se comigo ano passado na igreja e meu filho tão amado me perdoou e me enxerga como mãe novamente.
    Miga sou prova viva que qd queremos, dá certo, há sim uma luz no fim do mundo, não desista do seu tio ok?!
    Ele precisa muito de vcs.
    força!!bjk♥

    ResponderExcluir
  10. Oi minha flor, fiquei tao triste lendo isso agora, porq te idealizo uma pessoas sempre tão pra cima, alegre..que me esqueço que vc é humana e tbm passa por problemas..
    Tbm nao sei se perdoaria, falar é facil mas quando é com a gente a historia é outra né?!
    Ele foi parar no hospital, quase morreu e ainda nao entendeu?! fica dificil manter a fé nas pessoas né?!
    Só o tempo dirá amiga, como essa historia vai acabar...mas conivendo com ele ou nao...perdoe amiga, porq assim vc nao fica com rancor ai dentro...porq pra ele nada muda..mas só te faz mal...

    melhoras hen!? deve ser uma virose e ai vcs dois pegaram.. afe que porcaria!

    bjos

    ResponderExcluir
  11. Pôxa, Carlinha, que post, hein?!
    Fiquei aqui pensativa... Que situaçaõ chata!
    tbm não sou hipócrita de dizer: vá lá e perdoe. Pois sei que o coração da gnt se machuca de verdade qnd alguem faz sofrer a quem amamos! Mas eu posso te dizer pra orar e pedir a Deus que aos poucos vá tirando essa mágoa do seu coração. É difícil, mas vc pode tentar.
    A gnt não acredita nas pessoas, mas saiba que Deus não desiste dela facilmente - mas, lógico, a mudança tem que partir de dentro!!
    Fica na paz, lindona.
    Beijos e melhoras

    PS: Mulher, mudei o formulário dos comentários pra ter uma comunicação melhor e um contato mais rápido com o pessoal, mas ele tá dando dor de cabeça a muita gente. Acho que vou voltar pro velho blogger.
    Snif, snif, snif...

    ResponderExcluir
  12. Carlinha, tem que se cuida menina, sera que isso tb nao e stress, mt pressao tb pode causar esse descontrole intestinal, se cuida, bjos

    ResponderExcluir
  13. Não e facil acreditar mesmo,passei por isso por muito tempo com meu pai que era alcoolatra e hj já não e mais,mas precisei que Deus me ajudasse viu.
    Melhoras pra vc e seu filho.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. E bota delicado nisso,
    o que eu achei bacana de tudo isso é que eu/nós sempre pensamos que só a gente tem problemas, e você abrindo isso aqui em um post, podemos ver que todos temos e passamos por algo semelhante,seja com alcool drogas, preconceito e por aai vai...e de certa forma afeta nossa vida...
    Bem o que tenho a fazer é só orar e pedir a deus por vocês.
    beijinhos

    ( escrevi um monte e não consegui dizer nada) *-*

    ResponderExcluir
  15. Questão muito, muito complicada. Não vou emitir minha opinião, só apresento a Deus essa situação.
    Bjos

    ResponderExcluir
  16. Poxa que barra flor!!
    desejo muitas oraçãoes nesse momento tão delicado que deve ser!!!
    Melhoras vc é uma pessoa alto astral tente ficar bem!!!
    bjsss

    ResponderExcluir
  17. ...Sabe as vezes pensamos que estamos fazendo algo por obrigação e nem nos damos conta que o simples ato do mesmo já é uma ação do coração...parabéns por sua ação. VC FEZ SUA PARTE...e ele ficará com a dele...saiba que qualquer ato de boa fé sempre fica acima de tudo...

    Vamos ter fé...crer em mudanças...uma hora ou outra as coisas e as pessoas entram nos eixos...ou não (infelizmente)...as vezes levamos uma vida tda e não conseguimos entender isso...mas faz parte da mesma...amore força viu!!!

    Sente-se melhor né? Bjs!!!

    ResponderExcluir
  18. Querida, ralmente este á um assunto MUITO delicado. Só quem já passou sabe o que é. Eu já passei por isso com o meu irmão. Desde os 13 anos ele deu trabalho pra minha mãe. Já foi preso diversar vezes, já morou na rua, já roubou coisas de dentro de casa e tb quase morreu uma vez, pelo mesmo motivo do seu tio, levou uma surra na rua. Tb ficou internado em coma, aliás como indigente. Ficou na cadeira de rodas algum tempo, parecia criança, não comia sozinho, usava fralda, não falava. Mas depois q melhorou adivinha? Voltou a aprontar. Ele nunca nos agrediu, nem verbalmente, mas a dor q nos causava era imensa. Tb cheguei à desejar a morte do meu próprio irmão, mas no fundo queria mesmo era q ele se recuperasse.
    Bom, pra resumir, minha única saída foi confiar em Deus e pedir pra ele fazer o melhor pela gente, pois, apesar de tudo, sempre amei meu irmão, incodicionalmente.
    Hoje, com a graça de Deus, nem cigarro ele fuma mais.
    Mas não é exemplo de vida pra ng, não pode mais trabalhar e até a roupa do corpo somos nós que damos!

    O que eu quero dizer é que, vc não precisa forçar seus sentimentos. Entregue nas mãos de Deus, pois, apesar de não entendermos certas coisas, Deus sabe de todas as coisas.
    Ore por ele!

    Bjos flor

    ResponderExcluir
  19. é Carlinha, quando magoam quem a gente ama, ai o bicho pega...
    tem coisas como essa que é só Jesus na causa tanto para ele largar o vicio como par vc perdoa-lo.

    melhoras viu,bjs

    ResponderExcluir
  20. Ai Carlinha...tbém tenho casos na família, não tão graves como o seu. Sem agressão e tentar matar ninguem, mas mesmo assim é muito complicado.
    Quando a pessoa entra nesse mundo de drogas mesmo que queira e se esforce é dificílimo sair, além da dependência psicológica com a droga tem a física tbém que é terrível.

    É dureza.

    bjsss

    ResponderExcluir
  21. Olá florzinha, venho sempre aqui e nunca comento mas hoje não pude me furtar.

    Eu entendo perfeitamente o que vc está passando, a raiva que dá , a vontade de fazer a pessoa entender que está fazendo tudo errado, que são irresponsáveis, chega dá vontade de bater...

    Passei por isso tudo com meu pai, que era alcoolatra, ele perdeu a família, o trabalho, a dignidade, tudo em nome da bebida...passei dez anos sem falar com ele...

    Mas sabe florzinha, hoje apenas dois anos depois que ele morreu, eu sinto que a mim bastava apenas fazer a minha parte, não devia tê-lo criticado tanto, eu não sei o que ele viveu, não sei a dor que ele carregava , não entendia que pra ele era mais fácil fugir, ele não sabia fazer de outro jeito, com toda sinceridade do mundo, eu queria ele aqui, agora, mesmo bêbado , mas vivo...

    Não é querendo que vc diga que está tudo bem com seu tio, que vc o entenderá, isso não rola, não funciona... é apenas solidarizando com vc...

    ResponderExcluir
  22. casos de vicios sao mto pesados ne? a gente sempre acha q é facil etc. mas o fato é q nao é. eu tb n sei se conseguiria perdoar.
    espero que ele melhore, pelo bem da sua familia.

    vai amanha?
    beijos

    ResponderExcluir
  23. minha linda... como é dificil! nao quero te julgar, nada disso!

    entendo sua dor e t ofereço meu apoio incondicional.

    espero q td fique bem, e fico mt feliz q vc compartilhou isso com suas leitoras.

    adoro vc! fique bem

    bjs mari

    ResponderExcluir
  24. Minha linda, não consigo imaginar como possa ser para sua família, mas espero de coração que vc e sua família fiquem bem, é triste ver alguém querido assim se perder de maneira tão feia e "fácil" para a vida. Torcendo por vocês viu?!! Acho q sou como vc, faço vista grossa, mas quando realmente me chateio com uma pessoa é dificil viu?!! bjss e torcendo por vc e pela sua recuperação!bjss

    ResponderExcluir
  25. Nossa Carlinha, estou aqui sem palavras!!, passei por algo parecido só que era com álcool e era meu pai!! Eu não conseguia perdoa-lo por um tempo ter tentado agredir minha mãe, mas ela o perdõou no mesmo instante e vendo a força dela, apesar da raiva que ainda carregava, não desisti, leve-o ao médico, depois ao AA, e nesse domingo ele irá tricar a ficha de 01 ano sóbrio e você não imagina a mudança que tivemos em nossas vidas.. Hoje eles dois, dentre esse período conseguiram juntos crescer... E todos estamos felizes, e se te disser que hoje ele é quem ajuda seus amigos que estão na situação que ele já passou... Espero que minhas palavras a ajudem a encontrar ma resposta e aconchego pro seu coração!! Você é a única que pode decidir!!

    Bjbj e fique com DEUS!!

    ResponderExcluir
  26. É querida... Tema delicado, ainda mais quando toca alguém do nosso convívio! Imagino sua condição...
    Desejo fora a ele e fé! E que sua família tbm se fortalece na fé pq sem ela, tudo se complica... É difícil, mas há que se ter esperança!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  27. Carla , entendo vc perfeitamente.
    Tenho problemas de droga na familia, e nao consigo achar que é so dependencia quimica, tem muita falta de carater envolvido, muita sem vergonhice.
    As pessoas me acham fria, mas convivo com este problema ha 18 anos, passei muito a mao na cabeça, chorei, sofri, ajudei de todas as formas possiveis e imaginaveis e nada deu certo.Hoje sou distante da pessoa envolvida, nao lhe desejo mal, mas sim como vc ja pedi a morte dela muitas vezes, pq nao ver outra alternativa.
    Hoje apenas rezo pra ela ter um fim digno, ja que nao consigo ver outra possibilidade, falo isso com lagrimas nos olhos, pq é muito triste mesmo.
    bjs

    ResponderExcluir
  28. Oi Carlinha. é lamentável essa situação...a droga é a mazela da sociedade, destroi famílias e pessoas. Infelizmente os dependentes ficam fora do seu juízo perfeito devido ao vício, tudo pelo vício e os valores da família e da sociedade são esquecidos. Passoas com esse problema não são delas nem nossas, são prisioneiras do vício. Força aí menina! bju

    ResponderExcluir
  29. Acho que as meninas já disseram tudo, é super triste essa situação e espero que vc fique bem na medida do possível, perdoe sim amiga, isso é melhor pra vc do que pra ele!!
    Beijos e melhoras da diarréia tb

    ResponderExcluir
  30. oi Carlinha
    no seu post de hoje vi um link pra cá e resolvi saber mais da situação...
    meu irmão também é envolvido nessa vida, já foi preso e tudo mais... hoje ele ainda continua fazendo as besteiras dele...é fácil falar do que vc já viveu, mas é muito dificil pra mim falar do que ainda estou vivendo...e pr te falar a verdade, prefiro mil vezes ele preso, era mais carinhoso com a gente, mais saudável...longe das drogas e tudo mais...
    Era outra pessoa, por isso que sempre perdôo ele, nesse caso, não agil por ele mesmo e sim sob o comando das drogas...
    é isso amiga, se isso te serve de consolo, as pessoas entram nessa vida pq querem,fácil fácil,dificil é sair...


    Beijo minha linda!


    Karine

    ResponderExcluir